NutS na Cozinha: Salada de Pote

12/02/2020

 

Imagine uma opção fresquinha de refeição para o verão (e em qualquer estação do ano), que incorpora variedade de texturas, aromas e cores, numa apresentação prática de transportar para o trabalho ou para a faculdade? A chamada "salada de pote" consegue unir alimentos variados para enriquecer a salada (que aqui se torna o prato principal)!

 

Basicamente, podemos dividir no pote que acondicionará a salada, as camadas com cada um dos elementos que a irá compor. A seguir está uma sugestão de ordem que cada ingrediente é colocado para a montagem: 

 

Vamos começar da camada 1 (fundo) à camada 6 (topo) do pote de vidro:

 

1 – Molho (de sua preferência):

Prefira os que sejam feitos à base de limão, vinagre ou aceto balsâmico e azeite de oliva extravirgem (menor acidez possível).

Outras alternativas consistem no vinagrete, iogurte natural com hortelã, mostarda ou  com toque de mel (não incluir se necessário controle no consumo de açúcares), queijo cottage ou creme de ricota com ervas-finas.

 

A quantidade varia de acordo com o tamanho do pote - para um pote de 500 mL, use cerca de 2 até 3 col. sopa rasas de molho.

 

2 – Legumes, verduras e leguminosas (grãos) mais pesados:

Nesta camada, estão os alimentos mais pesados e que podem ficar em contato com o molho sem que isso implique em mudança de textura.

Por exemplo, leguminosas como grão-de-bico, soja (edamame), além de verduras e legumes como tomate cereja, cenoura, pepino e rabanete.

 

3 – Demais legumes, verduras e leguminosas (grãos), frutas, cogumelos:

Dando continuidade à montagem da salada de pote, agora é a vez de vegetais que não devem entrar em contato com o molho para preservar suas características. Certifique-se de que quanto menos ar estiver dentro do pote, mais frescos os ingredientes se manterão.

 

Exemplos de vegetais: brócolis, couve-flor, abobrinha, berinjela, chuchu, ou então leguminosas ou cereais tais como feijões, ervilha, lentilha, quinoa ou cevadinha em grãos cozida e milho. Para crocância e sabor poderá incluir cebola roxa e pimentão.

Para complementar, cogumelos (de sua preferência).

 

Os vegetais cozidos (preferencialmente a vapor e al dente) devem ser bem escorridos para evitar acúmulo de água e aumentar a conservação. Para o branqueamento, poderá ainda fazer o choque térmico em água gelada (com gelo) imediatamente após o cozimento em água.

 

Se desejar, algumas frutas podem figurar nesta camada (ex. abacaxi, manga, kiwi, morango, uva passa, damasco seco).

 

4 – Carnes, aves, peixes ou ovos:

Para facilitar o consumo no pote, devem estar preferencialmente cortadas em tiras, cubos ou desfiadas.

Caso prefira, poderá incluir a proteína no topo das folhas para finalizar no dia de consumo da salada ou leve à parte e sirva junto aos ingredientes no momento da refeição.

Algumas sugestões são tiras de filé de carne bovina ou de frango, frango desfiado, peixes como salmão, atum ou sardinha em lata e ovos cozidos. 

 

Caso não consuma alimentos de origem animal, as leguminosas em especial, como feijões, grão-de-bico, lentilha, ervilha, soja figuram como fontes de proteínas vegetais.

 

5 – Vegetais folhosos:

Aparecem nesta camada, folhas como agrião, alface (americana, lisa, crespa, roxa, romana), acelga, repolho, rúcula, chicória, almeirão.

Devem ser bem lavados e colocados secos com menor umidade possível para melhor conservação (use centrífuga de salada ou seque com papel toalha folha por folha).

Adicione brotos, se desejar e ervas aromáticas como coentro, hortelã, salsa, endro, cebolinha e salsinha.

 

6 - Elementos extras (opcional - atente à quantidade):

No topo da salada de pote, aparecem elementos extras como sementes e oleaginosas (fonte de gorduras insaturadas), a exemplo de sementes de linhaça e chia, semente de gergelim, de girassol, de abóbora, oleaginosas como castanhas, nozes ou amêndoas laminadas. Ainda como ingredientes adicionais, podem estar fontes de proteína de cálcio como queijo branco em cubos ou cerejas de mussarela de búfala.

 

Orientações para o preparo:

» Organize-se no preparo das saladas: separe todos os ingredientes previamente à montagem e, apenas depois adicione-os aos potes.

Ex. Lave e seque todas as folhas, corte os legumes em cubos ou tiras, etc.

» Utilizar pote de vidro limpos e secos na hora da montagem – Além de ecologicamente mais favorável, o vidro é livre de BPA (bisfenol-A), presente em alguns potes de plásticos.

» Tamanho sugerido para melhor acomodação de ingredientes - pote grande (500ml) de vidro com tampa rosqueável.

» Mantenha o frasco na geladeira. Conservação em média de 3 dias e sempre sob refrigeração.

» Para servir, vire o pote para baixo para distribuir o molho.



 

 

 

 

 

 

Please reload

Últimos posts

Saudades de um pão de queijo

September 23, 2020

1/10
Please reload

Tags
Please reload

Posts relacionados
Please reload

Comentários
  • Facebook - White Circle
  • Instagram - White Circle

© 2020 por NutS - Nutrition Science. Todos os direitos reservados.