Você já conhece o Guia Alimentar para a população brasileira? Sabe para que ele serve?

25/04/2019

Escrito por

O Guia Alimentar apresenta os princípios e recomendações de uma alimentação adequada e equilibrada voltada para a população brasileira, trazendo importantes orientações para facilitar nossas escolhas alimentares e nos auxiliar na melhoria  dos hábitos alimentares.

 

Ele é um documento oficial, lançado pelo Ministério da Saúde, que contém informações seguras e corretas sobre alimentação e nutrição, com o objetivo de promover a saúde da população por meio de uma alimentação saudável. Sendo um importante instrumento de orientação e de educação alimentar e nutricional (por isso, tão utilizado em nossos textos aqui do NutS). 

 

Hoje em dia temos uma variedade enorme de alimentos a nossa disposição e, decidir quais alimentos devemos ou não consumir e em qual quantidade, é uma tarefa muito difícil. Neste sentido, a versão atual do guia (publicado em 2014) aborda uma nova classificação dos alimentos, que nos ajuda a identifica-los de uma forma mais clara. Vamos conhecê-la?

 

Considerando essa classificação, o guia está dividido em 5 capítulos, que abordam: os princípios da alimentação adequada e saudável, as escolhas dos alimentos, a composição das refeições, o ato de comer e suas implicações e como ultrapassar as dificuldades para obtenção dessa alimentação.  Sempre baseado na alimentação e nos costumes típicos da nossa população. Por exemplo:

Além de todas essa informações o guia alimentar, estabelece os 10 passos para uma alimentação adequada e saudável, para que seja utilizado como metas, ai estão eles:

 

1- Fazer de alimentos in natura ou minimamente processados a base da alimentação;

 

2- Utilizar óleos, gorduras, sal e açúcar em  pequenas quantidades ao temperar e cozinhar alimentos e criar preparações culinárias

 

3- Limitar o consumo de alimentos processados;

 

4- Evitar o consumo de alimentos ultraprocessados;

 

5- Comer com regularidade e atenção, em ambientes apropriados e, sempre que possível, com companhia;

 

6- Fazer compras em locais que ofertem variedades de alimentos in natura ou minimamente processados;

 

7 - Desenvolver, exercitar e partilhar habilidades culinárias;

 

8- Planejar o uso do tempo para dar à alimentação o espaço que ela merece;

 

9- Dar preferência, quando fora de casa, a locais que servem refeições feitas na hora;

 

10- Ser crítico quanto a informações, orientações e mensagens sobre alimentação veiculadas em propagandas comerciais.

 

Assuma como meta um passo de cada vez, para a transformação dos

seus hábitos e da sua alimentação!

 

Promova a sua saúde e compartilhe esse aprendizado 

com os seus familiares e amigos!

 

Referência:

 

Ministério da Saúde. Guia Alimentar para a população brasileira.2014. Disponível em:  

http://bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/guia_alimentar_populacao_brasileira_2ed.pdf

 

 

Please reload

Últimos posts

Raio-X do Alimento: Pinhão

July 1, 2020

1/10
Please reload

Tags