Receitas tradicionais: Doce de Figo em calda

27/02/2019

Escrito por

Hoje em dia é difícil achar aquele doce ou compota que nossa avó fazia, com a fruta da época, recém colhida, feito em casa, não é mesmo?

 

O modo de vida moderna, junto com a industrialização dos alimentos e a alimentação fora do lar, nos distanciou da nossa cultura alimentar e dos alimentos que consumíamos há poucas décadas atrás. Pratos e preparações típicos e regionais, juntamente com o seu modo de preparo e tradições, estão se perdendo.

 

Quantos de nós ainda sabemos fazer aquele prato que nossa avó fazia com maestria? Pense em algum prato que era tradicional da sua família, quantos de seus familiares ainda os fazem? Primos, primas?

 

Pois é, a alimentação é um patrimônio cultural, e como tal, precisa ser compartilhada!

 

No fim do ano passado tive a oportunidade de resgatar uma dessas receitas, e aproveitando que estamos na época de figo, vou compartilhá-la com vocês!

 

Doce de Figo (receita mineira)

 

Ingredientes:

  • 1 kg de figo verde

  • 1,5 kg de açúcar cristal

  • Aproximadamente 2 litros de água

 

Utensílios necessários:

  • Luva plástica descartável

  • Papel alumínio

  • Tacho de cobre

 

Modo de preparo:

  1. Lave bem os figos e reserve;

  2. Com auxílio de uma faca sem serra, raspe toda a parte externa do figo para retirar sua aspereza sem machucar a fruta;

  3. Corte o talo do figo e do outro lado faça um corte no meio, mas não muito fundo;

  4.  Coloque dentro de uma tigela com água, faça este processo com todos os figos;

  5. Em uma panela, coloque água para ferver, suficiente para cobrir os figos, e cozinhe os figos por 10 minutos;

  6. Escorra a água;

  7. Coloque o açúcar e a água no tacho e leve ao fogo, mexendo até dissolver todo o açúcar, por cerca de 20 minutos;

  8. Coloque os figos na calda fervendo e cozinhe por mais 30 minutos em fogo baixo, cubra o tacho com papel alumínio durante seu cozimento;

  9. Desligue o fogo e deixe descansar tampado;

  10. Ligue novamente o fogo, deixe cozinhar por mais 40 minutos em fogo baixo e desligue novamente, para descansar (repita o processo por mais duas ou três vezes, conforme necessário);

  11. Ainda quente coloque em um vidro esterilizado, os figos e cubra com a calda, tampe e pronto.

 

1 cozimento                                        2 cozimento                                    3 cozimento 

 Conforme você vai cozinhando a calda vai ficando mais concentrada...

 

Dicas:

 

  • Utilize as luvas descartáveis para manipular o figo verde, para não irritar a pele das mãos.

  • Cozinhar com o tacho de cobre, deixa os figos mais verdinhos e bonitos, além de ser uma peça linda e decorativa para a cozinha, caso não tenha utilize uma panela grande comum.

  • Cubra o tacho com papel alumínio durante os cozimentos para manter a cor do figo e evitar de secar a calda.

  • O doce é feito em média em dois dia, assim com o maior tempo de descanso, mais saborosa fica a calda e o figo.  Você pode adaptar o descanso entre os cozimentos  com sua disponibilidade, sem ultrapassar 3 dias de preparo. 

  • Caso falte calda, prepare mais meia receita e acrescente a calda quente no tacho e ferva por mais uns 5 minutos.

  • Para esterilizar o vidro basta colocá-lo, previamente lavado, em água fervendo por quinze minutos e deixar secar naturalmente sob um pano de prato limpo.

 

Sugestão: Sirva com queijo de minas ou queijo branco e bom apetite!

 

 

 

Please reload

Últimos posts

Raio-X do Alimento: Pinhão

July 1, 2020

1/10
Please reload

Tags